21 April 2006

LibraryThing

Venho aqui falar da minha última paixão na internet, o site de catálogo de colecções de livros LibraryThing.
Já há muito tempo que usava BookCrossing como o sítio para ter a minha lista de títulos online, mas esse nunca foi o objectivo do site de BC e nesse sentido nunca me satisfez por completo, mas com o LibraryThing encontrei finalmente aquele sonho almejado para todos os que são um pouco obsessivos-compulsivos com as nossas bibliotecas e que sonham com aquela listinha bonita e indexada facilmente acedida com um mero click do rato.
Então já chega de suspirar e vamos lá listar as várias qualidades deste meu novo amor:
1º. Tem o processo mais rápido de inscrição que eu conheço, é só inserir um login e uma password. E estão prontos a começar, tenham é atenção á password e ao login, pois uma vez que não se insere um e-mail é impossivel recuperar esses dados mais tarde.
Podem mais tarde preencher melhor os dados e incluir então o endereço de e-mail para prevenir esquecimentos.
2º. A facilidade com que se adiciona uma nova obra, seja com acesso a mais de 30 bibliotecas á volta do mundo, seja com a ajuda da inescapável Amazon, seja adicionar manualmente, seja importar listas gigantescas de ficheiros locais ou de sites de internet. O LibraryThing tem o que chama "Swiss Army Knife" de importações, se tem um ISBN, ele "apanha-o" e processa-o com a ajuda das várias bases de dados às quais ele tem acesso. Neste momento a única coisa que faltava realmente era uma fonte portuguesa, mas essa é outra guerra.
3º. A facilidade como se lista a nossa biblioteca, o site oferece a possibilidade de configurarmos nós 5 diferentes Display Styles mais uma visão gráfica da nossa biblioteca (esta é a minha favorita, fico tão feliz quando vejo ali os meninos lado-a-lado).
4º. As tags, não sei de onde é que o conceito de tags surgiu primeiro (tudo parece indicar que a culpa é do del.icio.us) e eu não sou grande fã da ideia, mas a verdade é que por muito que eu desgoste das tags a verdade é que elas são super úteis e fundamentais no nosso catálogo, podem usá-las para tudo, para indicar o género da obra, para separar colecções, para indicar se o livro já foi lido ou não, para relembrar que está emprestado áquela pessoa... As opções são apenas limitadas pela nossa imaginação.
5º. O factor social, sim porque actualmente na net estamos todos ligados e queremos sempre saber o que os outros acham, o que eles lêem, como eles classificam, e o site permite-nos ligar a outros utilizadores, seja por obras em comum, ou bibliotecas parecidas, mais isso permite-lhe mais tarde recomendar outras obras, com base no que as outras pessoas lêem. Vejam os comentários que as outras pessoas deram ao livro e vejam as reviews.
6º. O custo, porque actualmente nada é á borla, mas este site até nem é muito caro. Uma conta livre (á borliu) permite-nos ter 200 livros em catálogo, Not too Shabby, e dá para fazer um bom test-drive ao site. Uma conta paga por um ano custa $10, e se querem pagar para tê-lo para toda a vida, basta desembolsar $25. A mim não me parecem valores exagerados tendo em conta o serviço prestado.

Inscrevam-se e vejam por vocês próprios, deixo-vos aqui os links para o meu Profile e para a ainda em "construção" Biblioteca.

4 comments:

  1. Por tua causa a Shô Dona Virgulina também já me falou disto e cheira-me que vou ser mais uma "agarrada"! Ainda não tive tempo de ver em condições mas está-me a parecer muito bem!
    Ó desgraçaaaaaaaaaaa......... ;op

    ReplyDelete
  2. Eu já lá estou e já paguei um ano, não achei nada caro e estive tentada a pagar os 25 dólares, mas daqui a um ano falamos!
    Adoro o facto de podermos pôr as nossas capinhas (sim, sou obssessiva nesse aspecto), faço scan daquelas que não encontro por serem portuguesas e fico com uma estante lindinha.
    Além disso as tags dão um jeitão, deste contar TBRs, empréstimos, separar colecções e géneros, as hipóteses são infinitas.
    E o melhor de tudo é que não leva séculos a encontrar um livro como o nosso estimado BC. Já vi membros com 8000 e tal livros (sim leram bem) e a estante não leva três anos a carregar, imaginem o que seria isto no BC! :os

    ReplyDelete
  3. Ai, ai... ainda não fui lá, mas pelas vossas opiniões... vou cuscar!

    ReplyDelete
  4. Gahhh.
    Mais um vício...
    gahhh
    A culpa é td tua... agora tenho de ir catalogar e indexar tds os meus livros...
    Vício, vício, vício!!

    ReplyDelete